sexta-feira, 20 de junho de 2008

Despedida ...


O que realmente é importante?
Sabe, cada um tem a sua resposta para essa pergunta tão pessoal...
Não me faço de diferente, também tenho uma resposta pra essa pergunta.

Bom, há alguns anos atrás, não muitos, eu conheci uma menina, que não era diferente das demais, sonhava em ser popular, em ter o namorado mais lindo da escola e com o ídolo "perfeito".
Sabe, essas coisas de menina, que eu, um menino nunca vou entender. E até hoje não entendo.
Ela tinha suas amigas, e nós éramos diferentes, nossos mundos nunca se encontrariam, talvez.
Ela mostrava-se decidida, sapeca e faladeira. Eu sempre me mostrava tímido e estudioso.
E nos 2 anos em que estudamos, inacreditávelmente nunca nos falamos. Sabíamos, um da existência um do outro, mas, nada além disso.
Eu tinha medo de falar com ela. Ela receava falar comigo.
Um dia, precisamente em uma sexta feira, nos esbarramos na porta da sala de aula, na hora da saída, todo seu material caiu, ela sorriu pra mim, foi mágico aquele momento. Talvez o sorriso mais angelical e doce que já vi. Nunca vou esquece-lo.
Eu não sabia sorrir, eu não sorri de volta, mesmo encantado pelo sorriso mais valioso que já havia recebido, eu não consegui sorri de volta.
Ela me olhou, e seu olhar me mostrou a tristeza da rejeição.
O silêncio surgiu, e nos envolveu em nossos mundos, mesmo assim não consegui esquece-la.
Mesmo, meu coração sabendo que seria a ultima vez que a veria, passei o fim de semana em claro, pensando, no que aquele sorriso e aquele olhar me diziam.
Segunda, meu coração estava apertado, ele doía, ao chegar na escola, soube que ela não iria mais pra aula.
Ela, não havia se mudado ou algo assim.
Uma fatalidade, havia levado aquele sorriso doce embora, e que ficaria marcado somente na lembrança e no coração daqueles que a amavam.
Depois daquele sorriso, eu a amei. Mesmo que nunca houvéssemos falado nada um para outro, eu a amei.
Um vazio naquele dia tomou meu coração. Não sei explicar como, mais ela, somente ela, com apenas um único sorriso, mesmo que sem querer, mudou minha vida, ela me ensinou a sorrir.
E sinto-me orgulhoso, em um dia ter visto o sorriso mais belo do mundo.

Ahhh, respondendo a pergunta, o mais importante pra mim, é tocar o coração das pessoas de um forma boa, mudar destinos... fazer tudo ser diferente, fazer tudo ser melhor.
O olhar dela me fez ver a tristeza, mas, seu sorriso me obrigou a querer um mundo melhor.
Não saberia a hora de me despedir de você e do seu belo sorriso doce.
Chorei noites sem fim pensando, e hoje quando realmente descobri o que significava seu sorriso, me despeço,com alegria de saber que no mundo habitou uma pessoa como você. E sete anos depois de sua partida, tão prematura, hoje me despeço, mas, não te esqueço. Adeus...


Eternamente Grato por me ensinar a sorrir, Gustavo Fernandes.




"Metade da minha vida está escrita em paginas de livros.
Vivo e aprendo dos tolos e dos sábios,
Eu sei que é o pecado de todo mundo
Ter que perder para saber como vencer"
Dream On - Aerosmith

23 pensando comigo.:

Dany sábado, junho 21, 2008 5:48:00 AM  

Gusta, tão triste o fim, mas tão linda essa história... um conto de fadas, sem final feliz, mas puro, de alma e coração...
Bjs

Kaka sábado, junho 21, 2008 10:50:00 AM  

Nossa Gu, essa você puxou lá do fundo. Triste, mas tocante. Lembro-me como se fosse hoje dessa menina, ela tinha vida, era linda e engraçada, e o melhor era zuar dela, porque no fim ela acabava rindo junto. Sempre correndo pra lá e pra cá, tanta vida.
Algo de bom você guardou, e fico feliz por isso. Lembro dela como a menina teimosinha que tinha alergias e sempre teimava em comer as coisas mesmo sabendo disso.
Do topetinho, quando impinava o narizinhu e achava que já sabia de tudo.
As vezes me pego pensando em tudo que ela ainda tinha pra viver, que hoje ela teria sua idade, e não sei, de repente estaria na facul, ou sei lá, correndo atras de um sonho.
As coisas acontecem rapido demais, antes que possamos dizer adeus.

Fica aqui meus sentimentos e o adeus que também não tive coragem de dar.



beijoo maninhooo

pri sábado, junho 21, 2008 3:03:00 PM  

eu fiquei muito tocada com essa história..

:T


(escreve super bem)

camila sábado, junho 21, 2008 5:22:00 PM  

Nossa Gustavo! Que bonito... nem sei o que dizer direto.
Você é tão fofo e verdadeiro. Li no blog Amenidades u comentário, seu falando que queria que uma ex te ligasse para assistir o Altas horas... Hushuahsuahsuahs
Achei super! Melhor que inter-cine, neh?!
Mas aqui... olha, olha que ainda te ligo viu?!
Você é um cara ápaixonate, Gu!
Beijo
=)

P.s. Mesmo correndo o risco de virar lésbica, valerá a pena!
;)

Meela sábado, junho 21, 2008 5:39:00 PM  

Cara, que lindo *-*
Tu escreve muy bem!

Dama de Cinzas sábado, junho 21, 2008 6:52:00 PM  

Que texto lindo, tocante, com uma grande mensagem! Adorei!

Beijos

Joyce domingo, junho 22, 2008 4:28:00 AM  

Fico sem palavras diante do seu texto.
É tão triste.Mas se mistura com uma certa pureza.
Tenho que dizer que você é muito sensivel.

Beijocas!!!

Ps:Obrigada pelo comentário.

Marcelo Martins domingo, junho 22, 2008 5:58:00 PM  

Vejo que o sorriso dessa menina realmente o tocou...
Uma bela homenagem essa sua, pena ela não poder mais ler.
Por essas e outras eu acredito que nunca devemos deixar de falar, ou demonstrar ou até mesmo provar o quanto apreciamos alguém.
Porque um dia isso pode ser tarde demais.
Quem me ensinou isso foi meu falescido pai. e essa lição eu guardo (e pratico) diariamente...

Abração, Gusta.

P.S.: Já que eu me considero seu amigo (e sou folgado mesmo) te peço, será que você poderia pensar na possibilidade de um dia tirar esses códigos após os comentários? ISso só atrapalha e não serve pra nada. É facinho de tirar...=)

Menina de óculos domingo, junho 22, 2008 8:54:00 PM  

Gusta, tudo aconteceu mais ou menos assim..eu li seu post, comecei a te amar e agora quero namorar vc...e aí...pode ser ou tá difícil??

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

:: Mary Jane :: segunda-feira, junho 23, 2008 9:51:00 AM  

Boa pergunta meu caro...
E muita bonita sua estoria que siceramente me tocou muito!
E muito bom guando podemos guardar algo de bom de alguem que conhecemos e claro sentir saudades!
):A verdade é que somente sentimos saudades do que foi bom...

Bjoss

(*

Carol segunda-feira, junho 23, 2008 8:48:00 PM  

Caraca... que história linda.
Qualquer dia desses conto aminha. Tenho uma parecida!

Ah... cheguei aqui pelos Caminhos da Camila.

Gostei!

Um abraço

Daniel segunda-feira, junho 23, 2008 11:25:00 PM  

Bom sonho esse tio Gusta!

Linda vivência..

Isadora Araújo terça-feira, junho 24, 2008 10:35:00 PM  

Poxa, que texto lindo!

Me faz lembrar (já deve ser o enésimo blog que eu falo sobre isso) quando eu conheci o meu "primeiro grande amor". Eu fui tão boba que acabei perdendo uma das maiores chances de felicidade em toda a minha vida...

Ah, e quem consegue nutrir sentimentos tão bonitos quanto esse não precisa entender o "universo perfeito" de uma menina.

Passa lá no meu blog depois...

Beijos!

Isadora Araújo terça-feira, junho 24, 2008 10:36:00 PM  

Poxa, que texto lindo!

Me faz lembrar (já deve ser o enésimo blog que eu falo sobre isso) quando eu conheci o meu "primeiro grande amor". Eu fui tão boba que acabei perdendo uma das maiores chances de felicidade em toda a minha vida...

Ah, e quem consegue nutrir sentimentos tão bonitos quanto esse não precisa entender o "universo perfeito" de uma menina.

Passa lá no meu blog depois...

Beijos!

Negâ quarta-feira, junho 25, 2008 9:33:00 AM  

Que lindo...
Pessoas veêm, pessoas vão em nossas vidas algumas veêm pra nos assinar a sermos melhor, outras para nos dar apoio, para nos fazer mudar de atitude, nos fazemos melhores...
Apesar da tristeza de não ve-lá mais, ainda te lembras do sorriso.
Só a lembrança do sorriso dela vale apena.
:D
Beijosss

Lomyne quarta-feira, junho 25, 2008 2:39:00 PM  

Ai, que é bonito, mas é triste...

Amanda quarta-feira, junho 25, 2008 3:30:00 PM  

Gente, adorei esse texto! Beijão!

M.A.C quarta-feira, junho 25, 2008 8:48:00 PM  

Olá!primeira vez por aqui e gostei muito viu?vou passar por aqui sempre! bjinhos! :)

M.A.C quarta-feira, junho 25, 2008 8:49:00 PM  

ah!se quiser me visitar:
www.todasaspequenascoisas.blogspot.com

bj

naoqueroficarcareca quinta-feira, junho 26, 2008 10:56:00 AM  

Escreve bem pra caramba, guri. Muito bom o texto... Animou a minha quinta-feira!

Abç.

naoqueroficarcareca quinta-feira, junho 26, 2008 11:02:00 AM  

Gusta, tu ainda insiste pra eu tentar usar a técnica da lambida da vaca? hahaha. Valeu, brother. Mas o Finalop já deu um jeito :P

Abç.
Pedro

Marcelo Martins quinta-feira, junho 26, 2008 1:21:00 PM  

Citei você no meu blog,viu?rs

Abração.

Natália quinta-feira, junho 26, 2008 4:49:00 PM  

A gnt nunca esquece quem nos ensinou a sorrir né?
Mas eu já fico feliz em estar com pessoas que não me ensinaram, mas me fazem lembrar.

Bjus

"A coerência é a virtude dos imbecis." - Oscar Wilde

  © Blogger template 'Morning Drink' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP