terça-feira, 24 de julho de 2012

seu...

leia ouvindo: Estranho Natural - Maria Gadú




Tens o rosto iluminado
pela luz e a escuridão.
Um olhar com poder devastador...

É simples como pode amar
e também odiar em apenas tão pouco tempo.
Não sei se te tenho
Não sei se já te tive

Teu desejo é desconhecido a mim mas,
me tens como um cristal.

Tu falas como se fosse meu intimo
Como se eu fosse um de seus livros.
Realmente, você me conhece
e isso me é estranho.

Não vou dizer que não gosto,
simplesmente é desconsertante.
Não te conheço mas, naturalmente você já sabe o que penso,
geralmente sobre quase tudo.




"A coerência é a virtude dos imbecis." - Oscar Wilde

  © Blogger template 'Morning Drink' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP