quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Vernissage

.
.
.
.
                Batam fotos das minhas vitórias. Coloquem em outdoors as fotos de minhas derrotas para que nunca esqueçam.
Fotografem minha promiscuidade e coloquem em uma bela moldura para simbolizar o orgulho que tenho dela. Vamos – fotografem meu fácil sorriso inebriante e meus piedosos choros lascivos.
                Fotografem, - vamos – retratem em fotos meus desejos secretos, revelem todos os meus segredos! Fotografem minha simpatia ameaçadora e minhas ironias entediantes. Junto ao negativo espero que estejam minhas alegrias e tristezas.
Fotografo – antes que me esqueça – quero fotos das minhas inquietantes mentiras e jogos. Fotografe o homicídio de minha morte e o nascer da minha nova vida.



                Quero a perfeição das minhas imperfeitas cenas.



                Sei que saberá retratar minha alma, minha saga perdida, meus desafios aceitos, meus desejos propostos. Meus Sonhos. Continue a fotografar – vamos... eu tenho pressa! - a vernissage da minha vida já começou, e mesmo que não acreditem, sei que ela estará em eterna exposição.


 
Ps. Meu post automático saiu só com o título. FALHA NOSSA . (risos)

12 pensando comigo.:

Cαmilα ♥ quinta-feira, dezembro 10, 2009 10:11:00 AM  

Oh meu Bem... Essa coisa de programar postagem é de fato complicado!
Acho que tu programou sem querer um rascunho, neah?!

rsrs

Quando puder, morcegue um pouco aí e arrume o post, tá bem? ^^

Saudade, já.
Cinco beijOs meus

Anna Paula quinta-feira, dezembro 10, 2009 2:14:00 PM  

"Quero a perfeição das minhas imperfeitas cenas." +1

Gostei *-*

Cαmilα ♥ quinta-feira, dezembro 10, 2009 2:55:00 PM  

Aeeeeeee *__*
Muito bem, agora sim pude ler o post.

Pode deixar que fotografarei todas as cenas.
E claro, filmarei em memória.Aguarde e terá cenas imperfeitamente perfeitas.
Prometo.

;)

Erica Ferro quinta-feira, dezembro 10, 2009 7:57:00 PM  

Velho, ficou MASSA esse texto aí.
Adorei mesmo.

E eu quero fotografias de cada sensação vivida, porque todas elas valem a pena serem lembradas, todas.

Beijo.

Luciana quinta-feira, dezembro 10, 2009 8:00:00 PM  

Seriam fotos bastante chamativas e com certeza atrairiam muitas pessoas para admirá-las.

Ótimo texto, Guh!

Beijão!

Paulo R. F. Braccini quinta-feira, dezembro 10, 2009 10:33:00 PM  

tudo fotografado e registrado ... sua vernissage será inesquecível como toda esta sua nova proposta de vida ... parabéns pelo texto ... maginificamente lindo

bjux

;-)

Luna Sanchez sexta-feira, dezembro 11, 2009 2:34:00 AM  

♪ "As brigas que ganhei
nem um troféu
como lembrança
pra casa eu levei

As brigas que perdi
estas, sim,
eu nunca esqueci..."

Beijo, Gusta.

ℓυηα

Natália sexta-feira, dezembro 11, 2009 3:20:00 PM  

Fotografem o dom de escrever que ele tem. Beijos

Jay e Alê sábado, dezembro 12, 2009 6:39:00 PM  

Mais do que ter cada parte registrado em fotos, tenho registrado na memória no desejo de que esclerose não me consuma. Amigo sumido, ficou lindo seu vernisage!
Saudade imensa.
Bjus

Vladir Duarte sábado, dezembro 12, 2009 11:01:00 PM  

"Eterna exposição"... isso me incomoda!

HSLO domingo, dezembro 13, 2009 10:39:00 PM  

Parabéns pelo blog, gostei muito. É a primeira vez que passo por aqui e voltarei outras vezes, ok.
Vou te linkar em meu blog.


Abraços

Hugo

www.nosso-cotidiano.com.br

Miss Murder segunda-feira, dezembro 14, 2009 6:30:00 PM  

"Batam fotos das minhas vitórias. Coloquem em outdoors as fotos de minhas derrotas para que nunca esqueçam."

Que texto fantastico amei mesmo! è quase como um auto-retrado!

Bjo

"A coerência é a virtude dos imbecis." - Oscar Wilde

  © Blogger template 'Morning Drink' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP